quarta-feira, 13 de abril de 2016

Andei Lendo... O silencio das Montanhas.. Khaled Hosseini



Olha, o coração palpita quando lembro das sensações que ele trouxe a mim. Uma amiga me emprestou e disse que não precisava ter pressa em devolver. Vivemos trocando livros uma com a outra. Agora ela está lendo o Cidades de Papel.
Senão me engano ela me emprestou quando estava terminando a saga de Divergente e prometi a mim mesma que ele seria um dos primeiros a ler em 2016. E me apaixonei.

Eu já adoro o autor: Li O Caçador de Pipas e o A Cidade do Sol, e me encantei. A forma como ele mexe com você, mesmo de um jeito triste, te faz devorar os livros.

Quando comecei a ler achei que seria com os mesmos personagens até o fim, mas me enganei. E isso fez com que eu gostasse ainda mais do livro.

O livro começa na infancia de Abdullah e sua irmazinha Pari, que vivem com o pai e a madrasta num vilarejo. Eles perderam a mãe no momento do parto de Pari, e isso fez com que Abdullah, ainda um pré adolescente fosse mais pai da irmã do que o próprio pai.

Eles moram em uma cidade próxima a Cabul, abandonada praticamente e passam as mais variadas necessidades. Chegando a um ponto do pai, num momento de desespero, vender a irmã à patroa de seu cunhado, um jovem esposa de um homem rico de Cabul, que não poderia ter filhos nunca.

E é ai que o livro vai mudando. A cada data do capitulo, assim sem esperar, as historias mudam de lado, de personagens... Um trama é ligada a outra, das mais diversas formas. E em certos momentos você até acha: ele nunca conseguirá unir a historia dos dois irmãos novamente. E ai meus amigos, tem o que do autor que me encanta... Ele consegue!!




Mostra historias que mexem de diferentes formas com você, aflora sentimentos que as vezes esquecemos que temos e em muitos momentos eu fiquei tipo: Oi?! Como assim, essa menina é tal coisa do fulano que apareceu num trecho que eu não dava nada no começo da historia!!

É, esse livro vale a pena ser lido e relido sempre... não tem como não gostar. Claro os que gostam desse tipo de historia, que fique claro. E para os que não gostam eu indico mesmo assim, esse ou os outros dois, pois são livros que hoje talvez não sejam tão populares.

Classificação Literária da Blogueira: ♥♥♥♥

Frases que me marcaram:

'Uma coisa que aprendi é que vale a pena ter certo grau de humildade e caridade, quando se julga o funcionamento interno do coração de outra pessoa!'

'Agora sei que algumas pessoas lidam com a infelicidade da mesma maneira como outras lidam com o amor: de um jeito particular, intenso, e sem apelação!'

'Há coisas que é melhor fazer em silencio, com dignidade!'

'A corda que salva da enchente pode se tornar um laço ao redor do pescoço!'

'Mas o tempo é como um encantamento. A gente nunca tem quanto imagina!'

Meu conselho? LEIAM!

6 comentários:

  1. E eu que nem conhecia a obra, me encantei com os quotes que vc selecionou.

    Fiquei com vontade de ler <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clayci, ele é lindo. Se você já leu algo dele (ou até se viu o filme) vai gostar com toda a certeza!!!

      Excluir
  2. Eu nunca li livros desse autor e não pretendo me dar chances a livros emocionais por que estou com os sentimentos a flor da pele, esse ano D:
    | Sorteio Saia Revolution Clothing|
    | Por que meu blog não cresce?|
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bela, melhor dar uma segurada então. Mexe muito mesmo. Lê outros, mais pra cima que serão melhor :)

      Excluir
  3. Pelo que você mencionou, desejei ler rs

    Beijos <3
    http://www.cherryacessorioseafins.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lê sim, lê sim e me conta depois ;) beijaaaao

      Excluir

Obrigada pelo comentario ♥ Logo será respondido :*